Mortos em escola de Suzano/SP são velados em arena

Mortos em escola de Suzano/SP são velados em arena
Velório das vítimas do massacre na Escola Estadual Raul Brasil
O velório dos corpos de seis vítimas do massacre ocorrido na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), começou por volta das 6h30 desta quinta-feira (14), na Arena Suzano. Mais de 5 mil pessoas passaram pelo local para homenagear as vítimas da tragédia.

No espaço, mais de 20 coroas de flores estão distribuídas. Uma grade divide a área reservada para a família das vítimas, e um corredor foi montado para o público transitar pelo local.
Os corpos chegaram ao local às 6h10. Estão sendo velados no local:


  • Caio Oliveira, de 15 anos;
  • Kaio Lucas da Costa Limeira, 17 anos;
  • Samuel Melquíades Silva de Oliveira, 16 anos;
  • Claiton Antonio Ribeiro, 17 anos;
  • Eliana Regina de Oliveira Xavier, 38 anos;
  • Marilena Ferreira Vieira Umezo, 59 anos 
O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi, e o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, estiveram na Arena. Vélez passou diante de cada caixão e abraçou cada um dos familiares. O governador do estado de São Paulo, João Doria, também é esperado no local.

Cerca de 50 profissionais da rede municipal de saúde estão prestando atendimento na Arena Suzano, entre médicos psiquiatras e clínicos gerais, psicólogos, terapeutas ocupacionais, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e assistentes sociais. 

Os corpos sairão da Arena às 15h, com um intervalo de 30 minutos entre cada um e seguirão em cortejo até o cemitério. A exceção é do corpo de Marilena Umezo, que será sepultado no sábado (16), quando um dos filhos dela retornar do exterior. 

OUTRAS VÍTIMAS:
O velório de Douglas Murilo Celestino começou por volta de 1h em uma igreja evangélica em Suzano.

O corpo do comerciante Jorge Antonio de Moraes está sendo velado em um cemitério de Suzano, onde será sepultado. 
Mais informações »

Ataque em escola estadual de Suzano/SP deixa 10 mortos

Ataque em escola estadual de Suzano/SP deixa 10 mortos
Frente da Escola Raul Brasil, logo após o ataque.
Um adolescente e um homem encapuzados atacaram a Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), na manhã desta quarta-feira (13). Eles mataram sete pessoas, sendo cinco alunos e duas funcionárias do colégio. Logo em seguida, um dos assassinos atirou no comparsa e, então, se suicidou. Pouco antes do massacre, a dupla havia matado o proprietário de uma loja de veículos na região, que era tio de um dos assassinos.

Os assassinos eram Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 - que eram ex-alunos do colégio.

A polícia informou que os dois tinham um "pacto de sangue", segundo o qual cometeriam o crime e em seguida se suicidariam. Ainda não se sabe a motivação do crime. Foram realizadas buscas na casa dos assassinos onde a polícia recolheu pertences dos dois. As famílias também foram ouvidas.

Luiz Henrique de Castro, de 25 anos
Guilherme Taucci, de 17 anos


O Ministério Público de São Paulo informou, que vai investigar em que circunstâncias ocorreram as dez mortes do massacre em Suzano. O trabalho será realizado pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

O objetivo será apurar a possível existência de uma organização criminosa que tenha colaborado para "eventual cometimento de crimes relacionados a terrorismo doméstico, como apontam os primeiros indícios", diz o órgão. O termo terrorismo doméstico é usado para definir atentados terroristas cometidos por cidadãos contra o seu próprio povo ou o governo.
Mais informações »

Audiência Pública do MP discutirá temas de interesse social com a população de Garanhuns

Audiência Pública do MP discutirá temas de interesse social com a população de Garanhuns
O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), através da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania da cidade de Garanhuns, está convocando a população do município para uma audiência pública a ser realizada no dia 19 de março, das 9h às 13h, no templo da Igreja Evangélica Trindade, do pastor Miguel, localizada na rua Ataulfo Alves na Massaranduba. 

O objetivo da audiência é ouvir as queixas e sugestões da comunidade sobre os temas: infância, juventude, pessoas idosas, educação, patrimônio público e social, fundações e entidades de interesse social. A ocasião ainda será oportunidade para os esclarecimentos a respeito do trabalho do MPPE nesses temas.

Foram convidados para estarem presentes nesta audiência, representantes das secretarias municipais de Juventude, Assistência Social, Educação, Obras e Serviços Públicos; das secretarias estaduais de Criança e Juventude, Desenvolvimento Social, e da Gerência Regional de Educação, além dos conselhos municipais da Educação e da Criança e do Adolescente, as polícias Militar e Civil e o Conselho Tutelar. 
Mais informações »

Solenidade na Câmara dos Deputados comemora o aniversário de Garanhuns

Solenidade na Câmara dos Deputados comemora o aniversário de Garanhuns
FOTO: Najara Araújo | Câmara dos Deputados
Nesta segunda-feira (11), a Câmara dos Deputados realizou uma sessão solene em homenagem ao município de Garanhuns.

A solenidade foi um requerimento do deputado federal Fernando Rodolfo (PR-PE), que na ocasião, destacou a importância da cidade no cenário de desenvolvimento nordestino e para a unidade nacional. 

Rodolfo ainda lembrou, que em abril de 1959, o então presidente Juscelino Kubitschek, instalou em Garanhuns um seminário para o desenvolvimento do nordeste, quando afirmou que havia inaugurado "a epopeia da recuperação nordestina".

Alfredo Góis em seu discurso no plenário da Câmara
O deputado ainda fez uma velada crítica a ausência do prefeito Izaías Régis (PTB) e a falta de esclarecimentos por parte do gestor municipal: "Ele foi convidado, não enviou representante e nem se justificou. A explicação dele terá de ser dada ao povo de Garanhuns"

Na oportunidade, foi lido um discurso do presidente da Câmara, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), que ressaltou o imenso patrimônio histórico e cultural do município como a força que molda a cultura pernambucana. 

Givaldo Calado também discursou no plenário da casa
Se fizeram presentes inúmeras pessoas e personalidades de Garanhuns como o empresário Givaldo
Calado de Freitas, o arcebispo militar do Brasil e ex-bispo de Garanhuns, Dom Fernando Guimarães, o ex-secretário Alfredo Góis e os vereadores Zaqueu Naum, Daniel da Silva, Audálio Filho e Luzia Cordeiro.   
Mais informações »

Governo muda regras para a Contribuição Sindical

Governo muda regras para a Contribuição Sindical
Agora as contribuições financeiras dos trabalhadores para os sindicatos não vão poder mais ser descontadas diretamente dos salários e terão, a partir de agora, que ser pagas exclusivamente por boleto bancário. 

A nova regra está prevista em uma medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro e por Paulo Guedes, ministro da Economia, e que foi publicada em uma edição extra do Diário Oficial da União desta sexta-feira (01).

Como foi publicada por medida provisória, que tem força de lei, passa então a valer a partir da data de sua publicação. Ainda assim, ela precisa ser aprovada pelo Congresso dentro de 120 dias, caso não seja aprovada, perde sua validade e volta a regra anterior. 

É bom lembrar que a Contribuição Sindical já havia deixado de ser obrigatória, na reforma trabalhista proposta pelo governo do ex-presidente Michel Temer. Desde então os trabalhadores são obrigados a expressar sua vontade de contribuir para o seu sindicato, porém, o desconto continuava sendo realizado diretamente do salário pelas empresas. 
Mais informações »

Homicídio registrado nesta sexta (01) em Angelim

Homicídio registrado nesta sexta (01) em Angelim
Um homicídio foi registrado na noite desta sexta, 01 de março, em Angelim a 25 km de de Garanhuns. O crime ocorreu no Sítio Cerquinha, na zona rural do município. De acordo com as informações apuradas, populares ouviram um barulho de moto e em seguida disparos de arma de fogo. Ninguém viu o autor do crime pois ao chegarem ao local, já encontraram a vítima sem vida. A Polícia Civil logo foi acionada e o IML recolheu o corpo de José Nazário de Lima, que tinha 50 anos, a unidade de Caruaru.
Mais informações »